MEIO AMBIENTE - Praça e Chinelão dos Tropeiros serão inaugurados em breve
06/11/2018 08:37 em Novidades

Texto e fotos: Pedro Neto

A Prefeitura de Montes Claros já concluiu o novo Chinelão dos Tropeiros, escultura que, em breve, será instalada no trevo do aeroporto “Mário Ribeiro da Silveira”. O objetivo é contribuir para o resgate da memória do Município e homenagear os tropeiros, que décadas atrás tiveram grande importância no desenvolvimento da cidade e da região. Ainda este mês o prefeito Humberto Souto também irá inaugurar a Praça dos Tropeiros, na saída para Francisco Sá, construída e ornamentada com doações do empresário Américo Martins Filho.

O novo Chinelão está sendo feito nos moldes do projeto original do saudoso artista plástico Konstantin Christoff, com 3 metros de comprimento e 1 de largura. O monumento foi reconstruído pelo artista plástico Roberto Marques, com auxílio do artesão Admilson Souza, do servidor Cláudio Cássio, com acompanhamento do artista Igor Christoff.

A Praça dos Tropeiros ganhou paisagismo moderno e possui poço artesiano capaz de atender à demanda do logradouro e com condições de ajudar no combate a possíveis incêndios naquela região.  O local possui uma grande escultura na forma de um outdoor vazado, com figuras simbolizando um tropeiro, um burro e um cachorro.

Na manhã desta segunda-feira, 5, o empresário Edgar Pereira, filho do saudoso ex-deputado federal Edgar Pereira, comentou a importância da reconstrução do Chinelão e da viabilização da Praça dos Tropeiros. "Montes Claros e região  se originaram  de bandeirantes, com grande contribuição por parte dos tropeiros. As grandes famílias, ou seja, as mais tradicionais, tiveram no berço a herança dos tropeiros. A homenagem é muito justa. Aliás, o Brasil inteiro deveria reconhecer esta importância. Todo o comércio era feito no lombo dos burros, nas bruacas. E o próprio pai  de Américo Martins era tropeiro. Veio da divisa da Bahia com a cidade de Espinosa e fez fortuna aqui no Norte de Minas. Agora, Américo homenageia os tropeiros, como também seu filho Alexandre Martins, falecido em 2011, com a Praça, construída em parceria com a Prefeitura”, afirmou.

Edgar Pereira celebrou também o retorno do Chinelão ao trevo do Aeroporto. "É uma forma de homenagear os nossos ancestrais, com o chinelo, que é autêntico, nos moldes  do que foi projetado pelo saudoso médico e artista Konstantin Christoff, conhecedor da história do Norte de Minas. Homenagem grande aos desbravadores, os tropeiros, com o artefato de couro que lhes protegia os pés, ou seja, o chinelão”, destacou o empresário, elogiando a iniciativa da Prefeitura.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!